Subscrever Newsletter
 
Fundação António Quadros
Prémio António Quadros Imprimir e-mail
                                                                        
PAQ 
 PRÉMIO ANTÓNIO QUADROS

TROFÉU «VIDA»

 

A figura que supera o dualismo é a espiral — escreveu António Quadros

«Espiral» foi o nome da revista que fundou e dirigiu e da qual saíram treze números (1964/1966). Por essa razão, é também a espiral que dá forma e sentido de finalidade ao Prémio António Quadros.

 

Memória descritiva por Cristina Rocha Leiria, Autora do Troféu, 2011

Apoiada por um só ponto numa base em mogno, a escultura representa simbolicamente a Vida e é formada por dois elementos complementares, esfera (bronze fosco patinado) e espiral (bronze polido), criando uma harmonia através das suas próprias polaridades.

Como veículo de conhecimento dinâmico, a espiral, nascendo na base da esfera lança-se para o Espaço, em movimento de ascensão, sendo elemento dinamizador de todo o conjunto.

No rigor da acção e no lançamento expansivo da mensagem, a consciência evolui atingindo o espírito da essência.


                                                                      Categorias premiadas:

      2011 - FILOSOFIA

      2012 - POESIA

      2013 - ROMANCE

      2014 - LITERATURA INFANTO-JUVENIL

      2015 - IMPRENSA

      2016 - TEATRO

      2017 - FOTOGRAFIA

      2018 - TURISMO 

      2019 - EMPREENDEDORISMO  

      2020 - MÚSICA POPULAR

      2021 - ARTE

      2022 - HISTÓRIA